EventsEventos
Loader

Find Us

FlipboardLinkedin
Apple storeGoogle Play store
PUBLICIDADE

Van der bellen favorito para renovar mandato como presidente da Áustria

Alexander Van der Bellen
Alexander Van der Bellen Direitos de autor Theresa Wey/AP
Direitos de autor Theresa Wey/AP
De  Teresa Bizarro com Agências
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Segundo lugar pode ditar segunda volta e deve ser decidido entre a extrema direita e o candidato anti-sistema

PUBLICIDADE

Mais de seis milhões de austríacos são chamados a escolher o novo presidente este domingo. O atual chefe de estado Alexander Van der Bellen recolhe a maioria das intenções de voto. As sondagens deixam no entanto margem para uma segunda volta. 

A campanha de Van der Bellen foi buscar trunfos ao estrangeiro. Arnold Schwarzenegger, austríaco e naturalizado nos Estados Unidos onde foi governador, enviou uma mensagem de vídeo para o último comício.

Com chapéu de tirolês diz que apoia Van der Bellen a 100 por cento.

Populares e sociais-democratas não têm candidatos próprios ao Palácio de Hofburg na corrrida presidencial.

Em segundo lugar das intenções de voto aparece o representante da extrema-direita, Walter Rosenkranz. Está seguido de muito perto por Dominik Wlazny. Conhecido por Marco Pogo, este comediante, cantor e médico, foi o fundador do Partido da Cerveja e recolhe apoio dos que criticam o sistema.

De acordo com analistas, é a candidatura deste vienense de 35 anos que pode por em causa a eleição de Van der Bellen à primeira volta. Marco pogo, o candidato da sátira, tem 12% das intenções de voto - apenas menos quatro pontos que o radical de direita Rosenkranz, dentro da margem de erro o que deixa em aberto o segundo lugar.

Há seis anos, a noite eleitoral terminou sem vencedor declarado. Já na segunda volta, foi o voto por correspondência que ditou o vencedor. Van der Bellen perdeu nas urnas, mas chegou à vantagem nos boletins enviados por correio, derrotando a extrema direita.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Ecologista Alexander van der Bellen reeleito Presidente na Áustria

As razões do sucesso da habitação social na Áustria

Ataques antissemitas aumentam 300% na Áustria