EventsEventos
Loader

Find Us

FlipboardLinkedin
Apple storeGoogle Play store
PUBLICIDADE

Kharkiv bombardeada depois de visita de Baerbock

Chefe da diplomacia alemã e homólogo ucraniano em Kharkiv
Chefe da diplomacia alemã e homólogo ucraniano em Kharkiv Direitos de autor AFP PHOTO / UKRAINIAN FOREIGN MINISTRY
Direitos de autor AFP PHOTO / UKRAINIAN FOREIGN MINISTRY
De  Euronews
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Kiev volta a pedir blindados a Berlim à passagem da chefe da diplomacia alemã

PUBLICIDADE

Kharkiv voltou a ser alvo de bombardeamentos russos, poucas horas depois da visita surpresa da chefe da diplomacia da Alemanha à cidade do nordeste da Ucrânia.

Annalena Baerbock foi acompanhada pelo homólogo ucraniano, Dmytro Kuleba, que apelou a Berlim para fornecer rapidamente assistência na forma de viaturas blindadas.

A chefe da diplomacia alemã afirmou que "Kharkiv é um reflexo do horror desta guerra brutal conduzida pela Rússia, mas também da coragem, capacidade de resistir e esperança da Ucrânia de viver em paz".

Kuleba disse, por seu lado, que "quanto mais tempo [a Alemanha] demorar a tomar a decisão, mais pessoas morrerão pela falta de tanques para o Exército" ucraniano.

Poucas horas depois da visita de Baerbock, o presidente ucraniano Volodymyr Zelensky também frisou a importância do equipamento militar moderno e de uma resposta rápida dos líderes europeus às agressões russas.

Volodymyr Zelenskyy, presidente da Ucrânia:"O mundo livre tem tudo o necessário para parar a agressão russa e provocar uma derrota histórica do Estado terrorista. E isso é importante não só para nós, mas para a democracia global e para todos os que dão valor à liberdade. É ainda mais importante agora, quando a Rússia reúne forças para uma nova escalada."

Entretanto, o grupo paramilitar russo Wagner afirmou ter assumido o controlo da totalidade de Soledar, depois dos intensos combates desta semana na cidade ucraniana. Uma informação que ainda não pode ser verificada de forma independente.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Alemanha elogia progressos da Ucrânia no caminho da adesão à União Europeia

Ataque russo com mísseis faz seis mortos em subúrbio de Kharkiv

Guerra na Ucrânia: dez mil pessoas obrigadas a abandonar Kharkiv