Rússia atinge residências civis em Mykolaiv com mísseis de alta precisão

Edifício destruído por bombas russas na Ucrânia
Edifício destruído por bombas russas na Ucrânia Direitos de autor AP Photo/Vadim Ghirda/Arquivo
Direitos de autor AP Photo/Vadim Ghirda/Arquivo
De  Francisco Marques
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Presidente da Ucrânia fala de mais "um crime contra a Humanidade" e confirma um morto e 23 feridos

PUBLICIDADE

Uma pessoa morreu e 23 ficaram feridas, incluindo uma criança, após um bombardeamento russo sobre a cidade Mykolaiv, no Sul da Ucrânia.

De acordo com o Presidente Volodymyr Zelnskyy, as forças afetas ao Kremlin atacarm Mykolaiv com quatro mísseis Kalibr, disparados a partir do Mar Negro.

Os projéteis de alta precisão atingiram duas casas, um bloco de apartamentos e um edifício histórico na cidade portuária na foz do Buh Meridional, o segundo maior rio da Ucrânia, que desagua meio caminho entre Kherson e Odessa.

Zelenskyy descreveu este ataque como mais um crime terrorista contra a Humanidade.

Outras fontes • Kyiv Independent, AP e AFP

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Ataques russos na Ucrânia fazem pelo menos oito mortos

Ucrânia diz ter abatido bombardeiro russo de longo alcance

Pelo menos 13 mortos e 61 feridos em ataque russo à cidade ucraniana de Chernihiv