EventsEventosPodcasts
Loader
Encontra-nos
PUBLICIDADE

Que impacto vai ter o terramoto nas eleições na Turquia?

Muitos turcos continuam a viver em acampamentos
Muitos turcos continuam a viver em acampamentos Direitos de autor AP Photo
Direitos de autor AP Photo
De  Euronews Sérvia
Publicado a Últimas notícias
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Os turcos vão votar para as eleições presidenciais e parlamentares no domingo. Será que Antáquia, a cidade mais afetada, vai continuar a ser um bastião de Erdogan?

PUBLICIDADE

Antáquia era conhecida como uma das cidades mais bonitas da Turquia, mas foi a mais atingida pelo terramoto de fevereiro. Aqueles que aqui ficaram tentam reerguer-se. Uns elogiam a resposta do partido no poder, outros queixam-se de falta de apoio.

"Não estamos a viver num acampamento. Estamos a viver numa carrinha, porque havia uma infiltração na tenda. Estamos à espera de uma casa contentor", diz Mehmet, proprietário de uma loja. 

A região de Antáquia era tradicionalmente um bastião de Erdogan, mas será que a gestão do terramoto vai sentir-se nos resultados das eleições presidenciais e parlamentares de domingo? As sondagens preveem uma votação renhida.

"Se as pessoas que dirigem o país estão a fazer um bom trabalho, e estão, eu vou votar nelas... porque ele é Erdogan", afirma Emina, dona de um café. 

Muitos vivem em acampamentos ou em contentores fornecidos pelo Estado. Alguns compraram as próprias tendas e moram fora dos acampamentos estatais. 

Sadet Guven veio de outra cidade apenas para votar. "Passamos por muita coisa. As casas de todos nós foram destruídas e não há ajuda nem nada. Ninguém veio perguntar-nos nada. Vou votar em Kilicdaroglu", diz. 

Quem passa os dias a ajudar as pessoas que vivem em tendas ou contentores diz que a divisão da sociedade está a aumentar. "Durante 21 anos de governo do AKP, as pessoas têm estado divididas em todo o país. Infelizmente ainda não superamos essa divisão e estamos a passar por um período eleitoral difícil", afirma Mursel Četin, trabalhador humanitário. 

O partido no poder promete novas casas dentro de um ano, casas que terão um longo prazo de pagamento. A oposição propõe que sejam grátis. Promessas eleitorais para as presidenciais e parlamentares de domingo.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

União Europeia poderá descongelar relação com Turquia, se mudar de governo

Urnas já abriram na Turquia para as autárquicas, partido de Erdogan quer recuperar Istambul

Masoud Pezeshkian vence segunda volta das eleições presidenciais no Irão