EventsEventosPodcasts
Loader

Find Us

PUBLICIDADE

Paraplégico volta a andar graças a tecnologia inovadora

Doente paraplégico Gert-Jan Oskam volta a andar graças a uma tecnologia inovadora
Doente paraplégico Gert-Jan Oskam volta a andar graças a uma tecnologia inovadora Direitos de autor AFP
Direitos de autor AFP
De  Euronews
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Um indivíduo paralisado há 12 anos voltou a andar graças a uma tecnologia inovadora desenvolvida em França e na Suíça

PUBLICIDADE

Um homem paralisado num acidente de bicicleta ocorrido há 12 anos conseguiu voltar a andar graças a um projeto neurocirúrgico inovador desenvolvido entre França e a Suíça.

A técnica consiste em utilizar implantes para restabelecer a comunicação entre o cérebro e a medula espinal danificada. 

O paciente aciona o implante no cérebro através do pensamento e este liga-se sem fios ao implante colocado na coluna vertebral.

"No espaço de cinco a dez minutos consegui controlar as minhas ancas, como se fossem reais, como se o implante cerebral captasse o que eu estava a fazer com as minhas ancas, por isso foi o melhor resultado, penso eu, para todos", afirma o doente paraplégico Gert-Jan Oskam.

A recente descoberta é o resultado de dez anos de investigações levadas a cabo por cientistas de ambos os países.

Em experiências anteriores, os pacientes usavam um botão para estimular o movimento das pernas. Agora, basta usar o poder da mente.

"Assim, quando tudo está instalado, o doente tem primeiro de aprender a trabalhar com os seus sinais cerebrais, e nós também temos de aprender a correlacionar este sinal cerebral com a estimulação da espinal medula. Mas isto é bastante curto, em poucas sessões está tudo ligado e o doente começa a treinar", explicou Jocelyne Bloch, neurocirurgiã, EPFL, École Polytechnique Fédérale de Lausanne.

Apesar dos progressos efetuados, os investigadores afirmam que vai levar muitos anos até o sistema ficar amplamente disponível.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Implantes para substituir cartões

Implantes elétricos ajudam paralisados a andar

Cibercriminalidade aumenta e torna-se mais eficaz graças à inteligência artificial