EventsEventosPodcasts
Loader
Find Us
PUBLICIDADE

Ucrânia denuncia Rússia como "Estado terrorista" no Tribunal Internacional de Justiça

Alegações iniciais de um processo apresentado por Kiev contra a Rússia
Alegações iniciais de um processo apresentado por Kiev contra a Rússia Direitos de autor Peter Dejong/Copyright 2023 The AP. All rights reserved
Direitos de autor Peter Dejong/Copyright 2023 The AP. All rights reserved
De  euronews
Publicado a
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Representante ucraniano acusou Moscovo de tentar "apagar a identidade ucraniana em todo o lado".

PUBLICIDADE

A Ucrânia denunciou a Rússia como um "Estado terrorista" que tenta apagar a identidade ucraniana perante o Tribunal Internacional de Justiça. Aconteceu nas alegações iniciais de um processo apresentado por Kiev em que pede que Moscovo tenha que pagar reparações por ataques históricos em áreas controladas por rebeldes no leste da Ucrânia e pela anexação da Crimeia.

"Vejam o que está a acontecer agora. A Rússia já não está a limitar-se à discriminação na Crimeia. Agora, procura apagar a identidade ucraniana em todo o lado . Até coloca o nosso povo em campos de filtragem, deportando os nossos filhos e escondendo-lhes a sua própria identidade. A Rússia simplesmente nega a existência de ucranianos como uma identidade distinta", acusou Anton Korynevych, representante ucraniano perante o Tribunal Internacional de Justiça. 

Os representantes da Rússia vão apresentar uma resposta na quinta-feira. O caso é um dos vários processos judiciais contra a Rússia ligados à Ucrânia.

Este processo surge da anexação violenta da Crimeia pela Rússia em 2014 e é anterior à invasão do leste da Ucrânia no ano passado.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Terroristas travados na Alemanha e nos Países Baixos

Moscovo diz que ataques ucranianos na Rússia e Crimeia fizeram seis mortos e mais de 100 feridos

Houthis reivindicam ataques a 3 navios nas últimas 24 horas