EventsEventos
Loader

Find Us

FlipboardLinkedin
Apple storeGoogle Play store
PUBLICIDADE

Incêndios florestais na Grécia causam explosões em depósito de munições

Bombeiros gregos não têm tido descanso
Bombeiros gregos não têm tido descanso Direitos de autor Tatiana Bolari/Eurokinissi
Direitos de autor Tatiana Bolari/Eurokinissi
De  euronews
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Não houve feridos, porque o pessoal tinha sido retirado do local antes.

PUBLICIDADE

Os incêndios florestais causaram grandes explosões num depósito de munições da força aérea no centro da Grécia. Não há relatos de feridos, já que o pessoal tinha sido retirado do local antes. Os caças F-16 foram transferidos para outra base. Habitantes de cidades próximas ficaram assustados com as explosões, que partiram várias janelas. 130 pessoas tiveram de ser retiradas das suas casas.

Na ilha de Rodes, particularmente afetada pelos incêndios, há turistas que ainda conseguem desfrutar do sol e do mar, mesmo que tudo o resto esteja queimado. Muitos estrangeiros não querem deixar a ilha. E muitos locais também não, porque os seus negócios dependem destes meses de verão.

"Economicamente, nenhuma família na área de Kiotati vai sobreviver ao inverno. É difícil porque nada está aberto. Não se pode abrir. Para que é que vamos abrir? Para os moradores? Eles não vão jantar fora todos os dias. Ninguém vai para jantar fora todos os dias. Poupamos. Trabalhamos muito no verão. Trabalhamos 14 horas por dia, até mais", desabafa Helen Hrisafinas, proprietária de um restaurante.

Mas esta sexta-feira, os bombeiros gregos disseram que o "panorama está a melhorar" nos incêndios florestais que duram há mais de uma semana nas ilhas turísticas gregas de Rodes, Corfu e Eubéia, bem como no centro do país.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Arguidos do incêndio de 2018 que matou mais de 100 pessoas na Grécia voltam a julgamento

Poeiras do Saara pintam Atenas de laranja

Grécia: proteção civil eleva nível de alerta depois de terem deflagrado 72 incêndios num só dia