EventsEventos
Loader

Find Us

FlipboardLinkedin
Apple storeGoogle Play store
PUBLICIDADE

Papa Francisco critica corrupção mas elogia liberdade religiosa na Mongólia

Papa Francisco vai reunir com a pequena comunidade católica da Mongólia.
Papa Francisco vai reunir com a pequena comunidade católica da Mongólia. Direitos de autor HANDOUT/AFP
Direitos de autor HANDOUT/AFP
De  Euronews com Lusa
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Na capital, onde foi recebido pelo presidente, o Sumo Pontífice também alertou para a importância de proteção do ambiente.

PUBLICIDADE

De visita à Mongólia, o Papa Francisco elogiou a liberdade religiosa no país, criticou a corrupção e pediu mais proteção do ambiente.

O Sumo Pontífice foi recebido, este sábado, na praça Sukhbaatar, no coração da capital, Ulã Bator, pelo presidente, Ukhnaa Khurelsukh, em frente a uma estátua de bronze de Genghis Khan, fundador do império mongol.

A aguardar o Papa estava também um grupo de jovens católicos mongóis.

Francisco tem um encontro marcado com a pequena comunidade católica da nação, maioritariamente budista, localizada entre a China e a Rússia.

No domingo, está previsto um discurso num encontro inter-religioso que contará com a participação do reitor da Igreja Ortodoxa Russa de Ulã Bator.

Esta é a primeira visita de um Papa ao país, que tem também um significado geopolítico.

Como grande exportador de carvão, a Mongólia tem uma das capitais mais poluídas do mundo. Em dezembro, o país também foi palco de grandes manifestações contra a corrupção.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Papa envia saudação ao "nobre" povo chinês

Putin enaltece comércio bilateral no último dia da sua visita à China

Itália: comunidade LGBTQIA+ contra posição do Vaticano sobre mudança de sexo e barriga de aluguer