EventsEventosPodcasts
Loader

Find Us

PUBLICIDADE

Grand Slam de Judo de Baku: Anna-Maria Wagner triunfa nos -78 kg

Pódio feminino na categoria de -78 kg
Pódio feminino na categoria de -78 kg Direitos de autor International Judo Federation
Direitos de autor International Judo Federation
De  Euronews
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Última jornada do Grand Slam foi repleta de surpresas para os fãs da modalidade.

PUBLICIDADE

Ao terceiro dia do Grand Slam de Judo de Baku, o melhor judoca peso pesado do mundo subiu ao tatame, pronto para dar tudo por tudo para subir ao lugar cimeiro do pódio.

As judocas também estiveram em destaque. O programa "White Suits Girls" no Azerbaijão incentiva as mulheres a participarem em desportos de combate para promover o seu desenvolvimento, competências de combate e autoconfiança.

Várias mulheres foram convidadas para o Grand Slam de Baku para assistirem aos duelos ao vivo e a cores.

Ivaylo Ivanov triunfa nos -90 kg

Na categoria dos -90kg, o búlgaro Ivaylo Ivanov mediu forças com o russo Mikhail Igolnikov.

Foi um duelo duro, mas Igolnikov acabou por se impor graças a dois "waza-aris."

Conquistou o ouro deixando a multidão em êxtase.

Elkhan Mammadov, campeão do mundo e membro da Federação de Judo do Azerbaijão, condecorou o atleta.

Anna-Maria Wagner: a heroína dos -78 kg

Na categoria de -78 kg, a alemã Anna-Maria Wagner encontrou-se com a italiana Alice Bellandi.

Wagner terminou em grande estilo, impondo-se com um "ippon." Mais um título para a judoca alemã.

Mohammed Meridja, Diretor Educativo e de Coaching da Federação Internacional de Judo, atribuiu as medalhas.

“Eu estava bem hoje e senti-me muito confortável. A cada segundo pensei: ok, estou mais forte hoje e sim, acho que esse poder está na minha mente e graças à minha autoconfiança consegui vencer esta luta", confessou a judoca alemã.

Ilia Sulamanidze: ouro nos -100 kg

Com uma multidão a aplaudir, na categoria dos -100 kg, Ilia Sulamanidze puxou de um enorme "waza-ari" para garantir a medalha de ouro em Baku.

O vice-presidente da Federação de Judo da Geórgia, David Kevkhishvili, atribuiu as medalhas.

“É uma sensação estranha porque as crianças locais talvez não me conheçam ou saibam de onde venho, mas apoiaram-me com o coração e embora seja uma sensação estranha, foi uma enorme felicidade para mim”, confidenciou Sulamanidze.

Beatriz Souza impõe-se nos +78 kg

Na categoria de +78 kg, as brasileiras Beatriz Souza e Rochele Nunes evidenciaram os verdadeiros valores do judo, celebrando em conjunto o ouro de Beatriz.

Neil Adams, campeão olímpico e duas vezes medalha de prata olímpica, condecorou as atletas.

Inal Tasoev triunfa nos +100 kg

Na categoria de +100 kg, o russo Inal Tasoev conquistou a vitória sobre Guram Tushishvili, graças a um "waza-ari."

Agayar Akhundzada, da Federação de Judo do Azerbaijão, condecorou o atleta.

PUBLICIDADE

Para gáudio dos fãs locais, o azeri Zelym Kotsoiev estava determinado a conquistar a medalha de bronze, o que fez com estilo.

O Grand Slam de Judo de Baku chegou ao fim. Aos amantes da modalidade deixou água na boca por mais.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Judo: Azerbaijão fecha Grand Slam de Baku no topo

Sueca Tara Babulfath brilha no arranque do Grand Slam de Judo em Baku

Hidayat Heydarov: o herói do Azerbaijão no Grand Slam de judo de Baku