EventsEventosPodcasts
Loader
Find Us
PUBLICIDADE

Ucrânia: Rússia volta ao ataque na região de Bakhmut

Veículos pesados russos disparam contra posições ucranianas ma região de Bakhmut, 30 de outubro de 2023
Veículos pesados russos disparam contra posições ucranianas ma região de Bakhmut, 30 de outubro de 2023 Direitos de autor Roman Chop/AP
Direitos de autor Roman Chop/AP
De  Euronews
Publicado a
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Rússia intensifica os ataques em Bakhmut, no contexto das suas tentativas de cercar a cidade de Adviivka, a sudoeste da cidade que os ucranianos retomaram após meses de combates.

PUBLICIDADE

A Rússia passou da defesa ao ataque na frente de Bakhmut. É o que fontes do exército ucraniano estão a transmitir a alguns meios de comunicação e é o que parecem mostrar  imagens divulgadas pelo exército russo, nas quais se podem ver vários veículos pesados a disparar contra posições ucranianas.

Bakhmut caiu nas mãos dos russos em maio passado, após meses de combates sangrentos nos quais os mercenários do grupo Wagner desempenharam um papel fundamental.

Dizia-se que o seu valor estratégico do Wagner era relativo, mas tanto os russos como os ucranianos atribuíam-lhe grande importância. Mais tarde, a cidade, ou o que restou dela, foi recapturada durante a subsequente contraofensiva ucraniana.

Esta mudança de estratégia por parte das tropas russas surge no contexto das suas tentativas de cercar a cidade de Adviivka, a sudoeste de Bakhmut.

As tentativas, até agora, não tiveram sucesso e custaram ao exército russo um elevado número de vidas. 

Segundo Kiev, as baixas inimigas ultrapassam agora as 300 mil desde o início do conflito, um número impossível de verificar.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Bombardeamento russo faz pelo menos três mortos em Kherson

Rússia ataca região de Kherson com 45 bombas planadoras em um só dia

Perdas de equipamento militar podem minar invasão da Rússia na Ucrânia