Milhares de palestinianos caminham em direção ao sul da Faixa de Gaza

Milhares de pessoas caminham com aquilo que conseguem levar em direção ao sul da Faixa de Gaza
Milhares de pessoas caminham com aquilo que conseguem levar em direção ao sul da Faixa de Gaza Direitos de autor Hatem Moussa/Copyright 2023 The AP. All rights reserved.
De  Euronews
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Netanyahu diz que as Forças de Defesa de Israel (FDI) estão a cercac a cidade de Gaza e a operar dentro dela.

PUBLICIDADE

Israel disse ter destruído 130 túneis do Hamas na Faixa de Gaza desde que iniciou as suas operações terrestres.

O primeiro-ministro, Benjamin Netanyahu, disse que as Forças de Defesa de Israel (FDI) estavam a cercar a cidade de Gaza e a operar dentro dela.

Para o secretário-geral da ONU, António Guterres, o número de civis mortos na Faixa de Gaza mostra que há algo "claramente errado" com as operações militares de Israel contra a organização islâmica, Hamas.

De acordo com o Ministério da Saúde gerido pelo Hamas, no território sitiado, a campanha militar israelita já matou 10.569 pessoas, muitas delas crianças.

O ritmo dos civis palestinianos que fogem do norte de Gaza para o sul acelerou à medida que os ataques se intensificaram. Multidões de palestinianos obedeceram às ordens militares israelitas e fugiram a pé para o norte de Gaza na quarta-feira, durante uma janela de quatro horas para evacuação. Milhares de pessoas percorreram a principal autoestrada norte-sul de Gaza, Salah al-Din, apenas com o que podiam carregar nos braços - algumas delas segurando bandeiras brancas improvisadas.

O governo do Qatar está a mediar, em colaboração com os Estados Unidos, para que o Hamas liberte alguns dos reféns que mantém desde 7 de outubro, em troca de Benjamin Netanyahu permitir uma pausa humanitária em Gaza.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Emmanuel Macron na dianteira da luta contra a crise humanitária em Gaza

Milhares de palestinianos em fuga para o sul da Faixa de Gaza

Hamas acusa Israel de bombardear escola e matar pelo menos 20 pessoas