União Europeia aposta na transição energética

COP 28
COP 28 Direitos de autor Kamran Jebreili/Copyright 2023 The AP. All rights reserved.
De  Euronews
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Na Cop 28, a presidente da Comissão Europeia anunciou um investimento de mais de 2 mil milhões de euros, nos próximos dois anos.

PUBLICIDADE

No terceiro dia da conferência das Nações Unidas sobre alterações climáticas, 118 países comprometeram-se a triplicar a capacidade de energias renováveis e a duplicar a quantidade de eficiência energética até 2030.

Entre os signatários estão os Estados Unidos, o Canadá, o Japão e a União Europeia. Entre os ausentes, a China, a Índia e a Rússia.

Os 27 vão investir mais de 2 mil milhões de euros, nos próximos dois anos, para apoiar a transição energética.

"Temos de implementar mais energias renováveis e utilizar menos energia para produzir os produtos e serviços de que necessitamos__(...) As fontes de energia mais baratas do mundo são as renováveis", declarou Ursula von der Leyen, presidente da Comissão Europeiam

A presidência da COP28, anunciou que 50 empresas do setor do petróleo e do gás, comprometeram-se a descarbonizar as operações de produção até 2050. Também neste sábado, 123 países assinaram a Declaração sobre Clima e Saúde, que não menciona a necessidade de acabar com os combustíveis fósseis.

São metas insuficiente para os grupos ambientalistas.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

UE e Reino Unido estão a apostar no cavalo errado na corrida às emissões zero

Família italiana libertada após quase dois anos em cativeiro no Mali

Alessandra Mussolini foi insultada e agredida em Estrasburgo