EventsEventosPodcasts
Loader
Encontra-nos
PUBLICIDADE

Apoio à Ucrânia em foco no segundo dia do Fórum Mundial Económico

Discurso de Zelenskyy em Davos foi aplaudido de pé
Discurso de Zelenskyy em Davos foi aplaudido de pé Direitos de autor Markus Schreiber/Copyright 2024 The AP. All rights reserved
Direitos de autor Markus Schreiber/Copyright 2024 The AP. All rights reserved
De  Euronews
Publicado a
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

O Presidente ucraniano Volodymyr Zelensky reforçou os apelos ao apoio internacional à Ucrânia em Davos, onde discursou e esteve reunido com aliados durante o Fórum Económico Mundial.

PUBLICIDADE

No palco do Fórum Económico Mundial, que decorre até sexta-feira em Davos, na Suíça, o Presidente ucraniano apelou ao apoio internacional à Ucrânia, numa altura em que a guerra no país cumpre dois anos.

"Os nossos parceiros conhecem as nossas necessidades e qual a quantidade", assinalou Volodymyr Zelenskyy, num discurso que foi aplaudido de pé.

O discurso seguiu-se a um encontro do chefe de Estado ucraniano com 70 altos dirigentes, entre os quais a presidente da Comissão Europeia. Zelenskyy também esteve reunido com diretores executivos de alguns dos maiores bancos do mundo e vários representantes de empresas da área da tecnologia.

Ursula von der Leyen teve oportunidade de saudar os esforços da Ucrânia para combater a transparência e corrigir a corrupção no país, uma condição indispensável nas negociações para a adesão à União Europeia.

Em entrevista à Euronews na terça-feira, a presidente da Comissão Europeia também disse que espera que o Conselho Europeu extraordinário de 1 de fevereiro consiga aprovar o Mecanismo para a Ucrânia de 50 mil milhões de euros para quatro anos (2024-2027).

Ursula von der Leyen deixou claro que a União Europeia vai encontrar uma forma de aprovar o fundo com ou sem a Hungria.

Esta quarta-feira será a vez de António Guterres, enquanto secretário-geral das Nações Unidas, de discursar no palco do Fórum Económico Mundial. Líderes europeus como o primeiro-ministro espanhol Pedro Sánchez e o Presidente francês Emmanuel Macron também vão participar como oradores.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Fórum Económico Mundial: o que pensam os participantes?

Fórum de Davos quer "Reconstruir a Confiança "

Zurique voltou a acolher a Festa Federal do Traje