Portugal defende União Europeia mais forte

Portugal defende União Europeia mais forte
Direitos de autor Euronews
De  Oleksandra Vakulina
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Em Davos, o ministro Adjunto e da Economia garantiu que Lisboa estará sempre ao lado dos que querem aprofundar a UE

PUBLICIDADE

"Portugal estará sempre no grupo dos que apoiam um aprofundamento da integração europeia, do estabelecimento da união bancária e do fortalecimento dos mecanismos da zona euro" - palavra de Pedro Siza Vieira, o ministro Adjunto e da Economia, que lidera a comitiva portuguesa em Davos.

Entrevistado pela Euronews à margem do Fórum Económico e Mundial, Pedro Siza Vieira considera que esta posição a favor de uma União Europeia forte está enraizada na sociedade portuguesa. "O país fez progressos tremendos nos últimos 30 anos, desde a entrada na União Europeia, e acho que essa é uma das razões que faz com que o Eurobarómetro tenha demonstrado recentemente que os portugueses são o segundo povo com uma opinião mais favorável sobre a União Europeia e o Euro", afirmou.

O ministro português lidera uma comitiva que integra ainda o secretário de Estado da Internacionalização, Eurico Brilhante Dias. Em Davos, participou em vários painéis  e foi orador num almoço sobre as condições para potenciar a inovação na Europa.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Comissão Europeia antevê abrandamento económico

O outro lado de Davos: Uma manhã com jovens influenciadores

Zelenskyy em Davos: Putin é um "predador" e não se contenta com conflitos "congelados"