EventsEventos
Loader

Find Us

FlipboardLinkedin
Apple storeGoogle Play store
PUBLICIDADE

Elon Musk acusado de quebrar acordo judicial

Elon Musk acusado de quebrar acordo judicial
Direitos de autor Reuters
Direitos de autor Reuters
De  Euronews
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

O CEO da Tesla fez uma publicação na rede social Twitter que não agradou a regulação da bolsa dos EUA

PUBLICIDADE

O regulador da bolsa dos EUA acusa Elon Musk, CEO da Tesla, de quebrar um acordo judicial.

Em causa está uma publicação que Musk fez no Twitter, sem autorização prévia, e que levou a uma perda de 5% nas acções da multinacional.

Elon Musk escreveu que a Tesla não produziu veículos eléctricos em 2011, mas que em 2019 iria produzir 500 mil, número que, mais tarde, reformulou para 400 mil. 

Já não é a primeira vez que Elon Musk faz comunicados através do Twitter sem pré-aprovação.

Para a SEC, Securities and Exchange Commission, Elon Musk não cumpriu um acordo que foi feito em 2018 que proíbe o gestor de revelar informações que não sejam aprovadas por um comité da Tesla.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Elon Musk processado por fraude

BMW, Jaguar e Volkswagen criticadas por importarem peças e automóveis chineses proibidos

Microsoft compromete-se a investir 4,3 mil milhões de dólares em França