Bruxelas veta fusão da Thyssenkrupp com a Tata Steel

Bruxelas veta fusão da Thyssenkrupp com a Tata Steel
De  Euronews
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

A Comissão Europeia vetou a fusão entre a empresa alemã Thyssenkrupp e a indiana Tata Steel. Bruxelas justificou a decisão com o argumento de que a concentração entre as duas empresas reduziria a competitividade e aumentaria o preço do aço.

PUBLICIDADE

A Comissão Europeia vetou a fusão entre a empresa alemã Thyssenkrupp e a indiana Tata Steel. Bruxelas justificou a decisão com o argumento de que a concentração entre as duas empresas reduziria a competitividade e aumentaria o preço do aço. "A nossa investigação mostra que a fusão conduziria a preços mais altos nos produtos de aço que são usados na indústria de embalamento e na indústria automóvel", explicou a Comissária Europeia para a Concorrência, Margrethe Vestager.

A investigação começou em outubro passado, com o objetivo de avaliar o impacto que uma fusão entre dois dos maiores produtores de aço do Espaço Económico Europeu poderia ter na concorrência do setor siderúrgico da União Europeia.

O grupo industrial alemão tinha recusado fazer mais concessões a Bruxelas para conseguir a aprovação do negócio.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Diretor executivo da Web Summit, Paddy Cosgrave, confirma regresso após comentários sobre Israel

Crise de emprego na UE: Candidatos não têm as competências adequadas

Sam Bankman-Fried, magnata das criptomoedas, condenado a 25 anos de prisão