Wall Street afunda com receio do coronavírus

Wall Street afunda com receio do coronavírus
Direitos de autor Copyright 2019 The Associated Press. All rights reservedRichard Drew
Direitos de autor Copyright 2019 The Associated Press. All rights reserved
De  João Paulo Godinho
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

O índice Dow Jones da bolsa norte-americana viveu o pior dia dos últimos dois anos e os investidores temem o impacto do vírus a nível mundial.

PUBLICIDADE

O surto do novo coronavírus está já a afetar as bolsas mundiais. Wall Street viveu esta segunda-feira o pior dia dos últimos dois anos, com o índice Dow Jones a cair 3,56 por cento.

Já o S&P 500, que agrega as 500 maiores empresas da bolsa dos Estados Unidos, recuou 3,35%, enquanto o NASDAQ, que congrega o setor tecnológico, afundou 3,71%.

As quedas refletem o nervosismo dos investidores face ao crescimento da epidemia do Covid-19, que soma já mais de 77 mil casos em todo o mundo, e o especial receio do aumento repentino em países como Coreia do Sul, Irão e Itália.

Fora da bolsa, o setor dos bens de luxo começa também a sofrer com as restrições de circulação impostas ao povo chinês.

Os empregados de várias lojas já começaram a adotar máscaras de proteção, na expectativa de que o surto não contamine também as vendas.

Outras fontes • EFE / AP

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

O dilema da Defesa da Europa: quanto dinheiro é preciso gastar?

Diretor executivo da Web Summit, Paddy Cosgrave, confirma regresso após comentários sobre Israel

Crise de emprego na UE: Candidatos não têm as competências adequadas