EventsEventosPodcasts
Loader
Encontra-nos
PUBLICIDADE

Pedidos de subsídio de desemprego disparam nos EUA

Pedidos de subsídio de desemprego disparam nos EUA
Direitos de autor APU GOMES/AFP or licensors
Direitos de autor APU GOMES/AFP or licensors
De  Patricia Tavares
Publicado a
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Vinte milhões de cidadãos podem ficar sem trabalho.

PUBLICIDADE

Os Estados Unidos também estão a enfrentar o impacto devastador do surto de coronavírus: 6,6 milhões de cidadãos norte americanos solicitaram o subsídio de desemprego nos Estados Unidos na semana passada.

"Um retrato do desastre", disse a economista Heidi Shierholz , que admite que nunca aconteceu nada parecido na história da economia recente.

Enquanto os estados se preparam para responder aos pedidos de subsídio de desemprego e o governo federal prepara pacotes de estímulo, os cidadãos - agora desempregados - não sabem como pagar as contas.

Mais de 80% dos americanos estão submetidos a restrições. As autoridades estão a congelar os despejos. Mas os economistas temem que a Covid-19 possa fazer com que 20 milhões de norte-americanos fiquem sem trabalho.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Covid-19 faz 6,6 milhões de desempregados nos EUA em uma semana

Nova Iorque adapta espaços para as vítimas da covid-19

Produtores de champanhe votam a favor de colheitas mais pequenas, com vendas em queda