O que é que se passa com Kate Middleton e o peculiar pedido de desculpas sobre a fotografia de família?

A imagem "original
A imagem "original Direitos de autor Kensington Palace
De  Jonny Walfisz
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Artigo publicado originalmente em inglês

Ela está doente? Divorciada? Morreu? A Internet está cheia de rumores sobre o misterioso desaparecimento da Princesa de Gales. Tendo em conta o frágil pedido de desculpas por uma fotografia, haverá alguma coisa na especulação?

PUBLICIDADE

O que acontece se os teóricos da conspiração da Internet tiverem razão? Perante o escândalo cada vez mais bizarro da fotografia da Princesa de Gales para o Dia da Mãe, vale a pena perguntar.

Para quem não sabe, Kate Middleton apresentou um pedido de desculpas depois de uma fotografia de família dela e dos seus três filhos que publicou no domingo ter sido rapidamente retirada pela AP com uma "Kill Notification" (notificação de abate) dizendo "parece que a fonte manipulou a imagem".

Vários outros órgãos de comunicação social seguiram o exemplo, uma vez que os erros de photoshop foram apontados online. Depois, na segunda-feira, Kate foi ao X para pedir desculpa pessoalmente pelo incidente.

"Como muitos fotógrafos amadores, ocasionalmente faço experiências com edição. Queria apresentar as minhas desculpas por qualquer confusão que a fotografia de família que partilhámos ontem tenha causado", escreveu.

"Espero que todos os que estão a celebrar tenham tido um Dia da Mãe muito feliz. C" a futura Rainha assinou.

Foi mais ou menos assim que a nossa equipa de reportagem noticiou o sucedido ontem. Mas vamos lá ver o quão estranho é todo este desastre. 

O significado da foto é que é a primeira imagem oficial de Kate desde que foi submetida a uma cirurgia abdominal em janeiro.

Kate não tem sido vista publicamente desde o Natal, o que é um período de tempo notável para uma das figuras mais públicas do Reino Unido. Quando esta foto apareceu pela primeira vez, foi lida como uma refutação das teorias que já circulavam em torno da saúde de Kate e da sua posição na família real.

Normalmente, a especulação nas redes sociais em torno dos membros da família real não costuma ser digna de notícia, mas a certa altura, as inconsistências gritantes não podem deixar de o atrair.

A imagem original foi enviada a agências de imprensa como a AP pelo Palácio de Kensington e foi creditada ao seu marido, William. O facto de um gabinete do Estado divulgar uma imagem adulterada em contradição com a política da agência de imprensa é desinformação, pura e simples.

Se as pessoas estão preocupadas com o facto de o palácio divulgar desinformação, o pedido de desculpas de Kate encaixa na perfeição. Ela assume a responsabilidade pessoal pela edição da fotografia no photoshop. É a desculpa ideal. Não é provável que Kate conheça as políticas da AP, e tudo isto deve ser varrido para debaixo do tapete - como todas as emoções têm sido tratadas ao longo da história britânica.

Só que essa desculpa não faz sentido. Por um lado, é inacreditável que a sóbria e profundamente impessoal equipa de imprensa por detrás do Príncipe e da Princesa de Gales esteja a deixar Kate brincar com a imagem da grande revelação no seu portátil. Depois, há o pedido de desculpas pessoal, completamente fora do normal, diretamente da suposta fonte, com o singelo sinal de uma letra "C".

Em segundo lugar, o conteúdo das edições não é o que normalmente se espera. A maioria dos editores de fotografia de poltrona passa os dias a melhorar a iluminação, a remover rugas e a aumentar o tamanho dos rabos nas imagens de si próprios. Kate não. Aparentemente, ela está muito mais interessada em edições complexas que deixam para trás artefactos de alterações de textura de superfície e composição de imagens.

O facto de uma das principais questões apontadas ser o facto de as roupas da Princesa Charlotte terem sido obviamente manipuladas sugere que esta fotografia foi fortemente editada, muito para além do alcance de um "photoshopping" por hobby.

A partir deste ponto, tudo o que podemos fazer é cair no domínio da especulação inútil.

Uma das tentativas favoritas para explicar a origem da imagem vem da TikTokker Allyn Aston. Ela afirma que a foto foi originalmente tirada em novembro de 2023.

Aston faz referência a uma sessão fotográfica de novembro em que Kate e os seus filhos participam no Baby Bank. Nesta sessão fotográfica, que foi publicada em dezembro, Aston nota como há muitas consistências entre os estilos e as texturas das roupas que Kate e os seus filhos estão a usar na fotografia do Dia da Mãe.

@allynaston I have a strong suspicion that this “new” photo of Kate Middleton and her children was taken in November 2023 baded on the outfits. There is ample evidence of bad Photoshop throughout this photo and it is my personal opinion that it is because it is old and they try to change the outfits so that it didn’t look like a match. This is pure speculation and opinion based on my own research. #katemiddleton#whereiskate#whereiskatemiddleton#princessofwales#kensingtonpalace#britishroyals#british#popculture#popculturenews♬ original sound - Allyn Aston

As únicas diferenças entre a sessão fotográfica original e a nova imagem são as alterações de cor e textura, sendo que as peças de roupa que foram trocadas - a saia de Charlotte, por exemplo - são responsáveis pelas edições mais óbvias.

PUBLICIDADE

Será a imagem uma versão trocada de uma foto tirada durante a sessão fotográfica de novembro? Talvez. É credível.

Mas não é isso que está em causa. O que está em causa é o facto de esta fotografia ter tornado óbvio que o palácio tem algo a esconder. Desde a apresentação inicial da fotografia às agências noticiosas até ao pedido de desculpas frágil, o palácio está empenhado numa campanha de desinformação sobre Kate Middleton, Princesa de Gales.

A explicação mais simples possível é que Kate ainda não recuperou totalmente da sua cirurgia - que a obrigou a interromper os seus deveres reais até, pelo menos, ao final de março - e o palácio quis publicar uma atualização tranquilizadora sobre a princesa.

Mas ninguém pediu que o fizessem. Kate poderia ter passado sem que esta imagem fosse divulgada. A escolha de o fazer incendiou os media e a Internet com rumores e especulações.

Estará Kate gravemente doente? Estará de facto morta? Ter-se-á divorciado de William? Será que o artigo do Independent que subitamente apresentou Lady Rose Hanbury: Marchioness of Cholmondeley ao público, é um lançamento suave da parceira secreta de William, com quem ele tem um filho e que Kate só descobriu nos últimos meses?

PUBLICIDADE

A maioria destas teorias malucas são provavelmente exatamente isso - disparates.

Mas tudo isto é uma demonstração impressionante de como a operação de imprensa do Palácio de Kensington é uma completa confusão. Com apenas a sua desinformação flagrante para continuar, e se os teóricos da conspiração estiverem certos?

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Como motivar a geração mais jovem a votar nas eleições europeias?

Exemplar raro de banda desenhada com a estreia do Super-Homem vendido por valor recorde de 5,5 milhões de euros

Alec Baldwin "não tinha controlo" sobre as suas emoções no cenário de "Rust", dizem os procuradores