Kate anuncia que tem cancro e está a fazer quimioterapia

Kate, princesa de Gales
Kate, princesa de Gales Direitos de autor BBC Studios via AP
Direitos de autor BBC Studios via AP
De  Euronews
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button

Princesa de Gales revelou que a doença foi descoberta após exames, na sequência da cirurgia abdominal a que foi submetida em janeiro.

PUBLICIDADE

A princesa de Gales anunciou esta sexta-feira que tem cancro e está na primeira fase do tratamento, a fazer quimioterapia.

Numa declaração gravada em Windsor pela BBC, Kate revelou que a doença foi descoberta depois de fazer uma extensa cirurgia abdominal em janeiro.

Após semanas de especulação sobre a saúde da princesa, Kate Middleton revelou que ela e o marido, o príncipe William, precisaram de tempo para explicar a situação aos três filhos, George, de 10 anos, Charlotte, de oito, e Louis, de cinco.

A princesa de Gales, de 42 anos, foi internada numa clínica de Londres a 16 de janeiro para uma cirurgia abdominal extensa. Na altura, a família real escusou-se a prestar qualquer esclarecimento sobre os motivos da intervenção. Fonte oficial garantiu apenas que não se tratava de cancro.

Kate revelou esta sexta-feira que só após a cirurgia lhe foi diagnosticado o cancro. Na mensagem divulgada, a princesa de Gales começa por agradecer as mensagens de apoio que tem recebido e garantiu que se sente bem e a ficar "mais forte a cada dia".

"Têm sido ums meses muito duros para toda a nossa família, mas tenho uma equipa médica fantástica que tem tomado muito bem conta de mim e pela qual estou tão grata", sublinhou.

Referindo depois que a doença que a levou a precisar de cirurgia não era cancerígena, Kate explicou que foram os exames feitos após a intervenção que revelaram o cancro. "A minha equipa médica aconselhou-me então a fazer um ciclo de quimioterapia preventiva e estou agora na fase inicial desse tratamento", detalhou.

Garantindo que já disse aos filhos que vai recuperar da doença, Kate agradeceu ainda o apoio do marido, o príncipe de Gales. "Ter o William ao meu lado é uma grande fonte de conforto e tranquilidade. Tal como são o apoio e a gentileza que têm sido demonstrados por muitos de vós. Significa tanto para nós os dois", disse Kate.

"Nesta altura, também penso nas vidas daqueles que foram afetados pelo cancro. Todos aqueles que estão a enfrentar esta doença, em que forma for, por favor, não percam a fé ou a esperança. Não estão sozinhos", afirmou ainda.

Não foi revelado o tipo de cancro que foi diagnosticado a Kate.

Recorde-se que, em janeiro, também o rei Carlos III revelou que foi diagnosticado com cancro, depois de ter feito tratamento a um problema na próstata. O Palácio de Buckingham referiu apenas que o monarca, de 75 anos, não tem cancro na próstata, mas também não divulgou qual o cancro de Carlos.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

O que é que se passa com Kate Middleton e o peculiar pedido de desculpas sobre a fotografia de família?

Agências noticiosas retiram foto da princesa de Gales por manipulação. Kate admite erros de edição

Novo Príncipe e Princesa de Gales aprofundam confiança do povo do País de Gales