EventsEventosPodcasts
Loader
Encontra-nos
PUBLICIDADE

Incêndios em Portugl, Espanha, França e Roménia

Combate às chamas na Roménia
Combate às chamas na Roménia Direitos de autor Armando Franca/Copyright 2022 The Associated Press. All rights reserved
Direitos de autor Armando Franca/Copyright 2022 The Associated Press. All rights reserved
De  Euronews
Publicado a
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

A Europa tem sido uma verdadeira fornalha nos últimos dias. Há bombeiros a combater as chamas em diversos países. As temperaturas baixam em Portugal

PUBLICIDADE

O incêndio de Baião continua a preocupar os bombeiros portugueses este sábado. Mais de 140 operacionais estão no combate às chamas, num dia em que as temperaturas começam a baixar.

O país lamenta a morte do piloto André Serras no combate ao fogo em Torre de Moncorvo.

No terreno, há críticas ao estado dos terrenos públicos.

"O Estado não limpa nada. Limpa mais o particular do que o Estado. Nós vamos aqui pela estrada e toda a gente vê que as árvores, por vezes, até fazem túnel, umas por cima de outras, não devia existir isso, não era? Como é que o fogo não há de passar de um lado para o outro com facilidade? Passa!"diz Afonso Almeida, residente na região de Baião.

A fornalha que envolve faixas do sudoeste da Europa é a segunda em semanas, com os cientistas a culparem as alterações climáticas e a preverem episódios mais frequentes e intensos de condições meteorológicas extremas.

Em França, a situação ainda é tensa. Ronan Leaustic, subprefeito de Arcachon, afirma:

Ainda estamos, e isto é motivo de satisfação, com 3.150 hectares de área ardida, mas o fogo ainda não está sob controlo, ainda não está contido. Este é um ponto extremamente importante a destacar".

Em Espanha, após três dias muito difíceis, as autoridades que coordenam o esforço de combate às chamas dizem que a situação melhorou ligeiramente numa das frentes de incêndio.

Na Roménia Ocidental, os bombeiros extinguiram mais de 20 fogos rurais nos últimos 3 dias, afetando quase 100 hectares de culturas no condado de Mehedinti. Os habitantes locais tentaram extinguir as chamas pelos seus próprios meios, temendo que estas chegassem às suas casas.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Marcas de fast fashion chinesas com nota zero em matéria de direitos humanos e políticas ambientais

Por que é que a Europa está a registar temperaturas tão extremas e o que é que se pode fazer?

Junho bate recordes de temperatura global pelo 13º mês consecutivo