Grécia está a desperdiçar tempo, diz presidente do Eurogrupo

Grécia está a desperdiçar tempo, diz presidente do Eurogrupo
De  Isabel Marques da Silva com LUSA, REUTERS
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button

Os ministros das Finanças da zona euro não devem tomar nenhuma decisão política quanto ao resgate da Grécia na reunião desta segunda-feira, em Bruxelas, por falta de informações. O governo de Atenas t

PUBLICIDADE

Os ministros das Finanças da zona euro não devem tomar nenhuma decisão política quanto ao resgate da Grécia na reunião desta segunda-feira, em Bruxelas, por falta de informações.

O governo de Atenas tem de dar mais detalhes financeiros sobre a lista de sete reformas enviada na passada semana.

O presidente do Eurogrupo, Jeroen Dijsselbloem, disse que “perdemos mais de duas semanas, nas quais houve muito pouco progresso. As conversações ainda não recomeçaram, não houve implementação de medidas. Temos de parar de perder tempo e efetivamente começar a negociar. Essa é a minha principal mensagem”.

A reunião poderá ser, também, ensombrada pelas declarações do ministro das Finanças grego a um jornal, durante o fim-de-semana, em que falou em possível referendo sobre o pacote de medidas.

O governante alemão, Wolfgang Schäuble, frisou que “os gregos têm de implementar as medidas a que se comprometeram e evitar fazer alterações unilaterais, sem antes as coordenarem com as troika”.

A correspondente da euronews em Bruxelas, Efi Koutsokosta, acrescenta que “o tempo está a escoar-se para o governo grego, que ainda não tem garantia de conseguir desbloquear uma nova tranche dos 7,2 mil milhões de euros que lhe restam do empréstimo, sendo que o país enfrenta enormes problemas de liquidez. Neste ambiente, o primeiro-ministro Alexis Tsipras visita Bruxelas, na sexta-feira, para um encontro com Jean-Claude Juncker, antes da próxima cimeira dos líderes da União Europeia”.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Financiamento da UNRWA deve manter-se para evitar uma catástrofe humanitária em Gaza

UE impõe regras ao patrocínio estrangeiro de anúncios de campanha eleitoral

Diretiva da UE agrava penas para crimes ambientais