EventsEventosPodcast
Loader

Find Us

PUBLICIDADE

Comissão Europeia apresenta propostas para migração

Comissão Europeia apresenta propostas para migração
Direitos de autor 
De  Isabel Marques da Silva
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button

Orientação operacional, apoio financeiro e regras claras são os elementos apresentadas pela Comissão Europeia, terça-feira, para implementar novas infra-estruturas de processamento de requerentes de asilo, dentro da União Europeia e em países terceiros.

PUBLICIDADE

Orientação operacional, apoio financeiro e regras claras são os elementos apresentadas pela Comissão Europeia, terça-feira, para implementar novas infra-estruturas de processamento de requerentes de asilo, dentro da União Europeia e em países terceiros.

Um exemplo concreto é o pagamento de seis mil euros por perssoa desembarcada que seja transferida para outro Estado-membro distinto do de entrada.

O executivo comunitário tenta, assim, dar corpo às decisões da última cimeira da união europeia, explicou a porta-voz Natasha Berthaud: "Os dois conceitos - centros controlados e convénios regionais de desembarque - devem, na verdade, ser vistos como uma abordagem conjunta".

"Ambos deverão ajudar a implementar uma responsabilidade regional efetivamente partilhada na resposta aos desafios complexos de migração", acrescentou.

Os centros controlados serão criados nos Estados-membros, mas ainda não há voluntários.

Os convénios regionais de desembarque devem celebrar-se com países terceiros, sobretudo em África, mas também não surgiram ainda interessados.

O objetivo é aliviar o fardo da Itália, principal porta de entrada de requerentes de asilo e migrantes.

A proposta será avaliada pelos embaixadores dos 28 Estados-membros, na quinta-feira.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Comissário pede maior responsabilidade no salvamento no mar

Migração: pedidos de asilo em queda na OCDE

Meloni destacada na reta final até às europeias