EventsEventos
Loader

Find Us

FlipboardLinkedin
Apple storeGoogle Play store
PUBLICIDADE

Software da Volkswagen para alterar emissões considerado ilegal

Software da Volkswagen para alterar emissões considerado ilegal
Direitos de autor MICHAEL PROBST/AP
Direitos de autor MICHAEL PROBST/AP
De  Euronews
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Parecer do advogado-geral do Tribunal de Justiça da União Europeia não é vinculativo

PUBLICIDADE

É apenas um parecer, mas se for acolhido será mais um golpe contra a Volkswagen, debaixo de fogo por causa do escândalo "Dieselgate."

Para o advogado-geral do Tribunal de Justiça da União Europeia (TJUE), Athanasios Rantos, o software que a fabricante automóvel, também detentora da Porsche, instalou para alterar níveis de emissão de gases poluentes dos veículos é "contrário ao direito da União Europeia."

Rantos entende também que isso não se pode justificar como forma de proteger os motores automóveis e evitar possíveis falhas de funcionamento.

O conselho legal não é vinculativo, mas para o TJUE pode vir a ditar uma sentença no mesmo sentido.

No ano passado, o tribunal decidiu que os consumidores poderiam entrar com uma ação judicial no país onde compraram o veículo Volkswagen equipado com o aparelho.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

PM palestiniano quer "vaga" de países a reconhecer o Estado da Palestina

Macron visita a Alemanha. A primeira visita de Estado de um Presidente ao país em 24 anos

Extrema-esquerda francesa pede ao governo que reconheça o Estado da Palestina