EventsEventosPodcasts
Loader

Find Us

PUBLICIDADE

Macron homenageia vítimas do Holocausto e vai a Dresden no segundo dia da visita de Estado

Macron no Memorial do Holocausto, em Berlim
Macron no Memorial do Holocausto, em Berlim Direitos de autor Michael Kappeler/DPA
Direitos de autor Michael Kappeler/DPA
De  Euronews
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

O presidente francês prossegue aquela que é a primeira visita de Estado de um presidente francês à Alemanha em 24 anos, destinada a reforçar os laços entre Paris e Berlim.

PUBLICIDADE

No segundo dia da visita de Emmanuel Macron à Alemanha, o presidente francês visitou o memorial do Holocausto em Berlim, na companhia do presidente alemão Frank-Walter Steinmeier. Os casais presidenciais francês e alemão prestaram homenagem aos judeus europeus mortos pelo regime de Hitler.

Nesta visita, Macron foi também recebido pelo casal franco-alemão de caçadores de nazis Beate e Serge Klarsfeld.

Durante a tarde, o casal presidencial francês irá visitar a cidade de Dresden, capital do estado da Saxónia. Esta cidade foi praticamente destruída por um bombardeamento aliado durante a II Guerra Mundial. Macron irá proferir um discurso diante da Catedral de Nossa Senhora, destruída nesse bombardeamento e mantida em ruínas pelo regime comunista da então RDA, reconstruída apenas após a reunificação de 1990.

Esta é a primeira visita de Estado de um presidente francês ao país em 24 anos. A viagem de três dias celebra os 75 anos da promulgação da Constituição alemã pós-Segunda Guerra Mundial. O objetivo é reforçar os laços com Berlim antes das próximas eleições europeias, onde se prevê um declínio das forças do centro e um aumento dos extremos, em particular da extrema-direita. Em França, o Rassemblement National de Marine Le Pen deverá ficar à frente.

A visita também teve alguns momentos mais leves, com Macron a jogar matraquilhos no domingo e a trocar camisolas de futebol para assinalar o Euro 2024, que irá começar dentro de poucas semanas na Alemanha. O último dia da viagem será dedicado a um encontro bilateral com o chanceler alemão Olaf Scholz, numa casa nos arredores de Berlim.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Macron na Alemanha para a primeira visita de Estado de um presidente francês em 24 anos

Macron vai à Alemanha na primeira visita de Estado de um presidente francês em 24 anos

Emmanuel Macron em missão no Pacífico para travar os motins na Nova Caledónia