EventsEventosPodcasts
Loader
Encontra-nos
PUBLICIDADE

Aeroporto de Catânia reaberto após sinais de trégua do vulcão Etna

Vulcão Etna em Itália
Vulcão Etna em Itália Direitos de autor AP/AP
Direitos de autor AP/AP
De  euronews
Publicado a
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

O aeroporto da região foi reaberto no sábado após uma espessa camada de cinzas ter coberto as pistas de aterragem na sexta-feira devido a forte atividade do Etna. Na Sicília, mantêm-se o alerta por causa do vulcão Stromboli.

PUBLICIDADE

O Etna, o vulcão ativo mais alto da Europa continental (3.329 metros), iniciou uma nova fase eruptiva que se intensificou nas últimas horas. Na sexta-feira, 5 de julho, o aeroporto de Catânia foi temporariamente encerrado devido a uma espessa camada de cinzas que se depositou nas pistas. As operações de voo foram retomadas após a remoção das cinzas vulcânicas das pistas.

Os passageiros foram convidados a não se deslocarem ao aeroporto antes de se informarem junto da companhia aérea sobre a situação do seu voo.

A erupção envolveu a 'Cratera Voragine', uma das quatro crateras do cume do Etna, que produziu uma coluna de lava de 4.500 metros de altura. Os cientistas do Instituto Nacional de Geofísica e Vulcanologia (INGV) estão a monitorizar constantemente o vulcão, acompanhando de perto a evolução da atividade eruptiva.

Etna é um dos vulcões mais ativos do mundo

Os acontecimentos dos últimos dias são considerados normais para o Etna, um dos vulcões mais ativos do mundo. A atividade no cume pode durar anos com poucas interrupções, variando os intervalos entre erupções de alguns meses a cerca de vinte anos. Nos últimos 40 anos, o intervalo médio entre erupções foi de dois anos.

Dificuldades para a população de Catânia

Apesar do espetáculo natural, a erupção criou numerosos inconvenientes. O presidente da Câmara de Catânia, Enrico Trantino, emitiu uma ordem proibindo a circulação de bicicletas e motociclos durante 48 horas e limitando a velocidade máxima dos veículos a 30 km/h em todas as estradas municipais. Além disso, foi ordenado que a areia vulcânica recolhida nos espaços privados seja depositada em pequenos contentores junto às habitações.

Erupção, fogo e espetáculo natural

O Etna, o maior vulcão ativo da Europa, manifestou recentemente toda a sua força com uma erupção que ultrapassou os 5 km de altura. A chuva de cinzas cobriu a vertente sudeste do vulcão com um manto cinzento, paralisando as atividades locais e sobrecarregando a população.

Na pequena ilha de Stromboli sente-se o estrondo do seu vulcão

Ao mesmo tempo, o vulcão Stromboli também fez ouvir a sua voz. Conhecido pelas suas explosões regulares e espetaculares, o vulcão criou uma atmosfera surrealista com faíscas e estrondos a iluminar o céu. As autoridades locais tomaram medidas de segurança para proteger os residentes e os turistas, bloqueando estradas e planeando evacuações.

Arquivo (4/07/2019): imagem aérea disponibilizada pela polícia italiana mostra a ilha siciliana de Stromboli, após a erupção do seu vulcão.
Arquivo (4/07/2019): imagem aérea disponibilizada pela polícia italiana mostra a ilha siciliana de Stromboli, após a erupção do seu vulcão.AP/AP

A Proteção Civil emitiu um alerta para Stromboli. O chefe do departamento, Fabrizio Curcio, convocou o Comité Operacional para coordenar e organizar as ações de prevenção, monitorização e proteção da população da ilha. Persiste uma situação de "potencial desequilíbrio vulcânico".

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Vulcão Etna, o mais ativo da Europa, entrou em erupção

Lava irrompe por Etna coberto de neve

Explosão no vulcão Stromboli