EventsEventos
Loader

Find Us

FlipboardLinkedin
Apple storeGoogle Play store
PUBLICIDADE

França alerta para o aumento de casos de dengue antes dos Jogos Olímpicos

Esta fotografia sem data divulgada quarta-feira, 27 de agosto de 2014, pelo Instituto Nacional de Doenças Infecciosas via Kyodo News, mostra um mosquito tigre.
Esta fotografia sem data divulgada quarta-feira, 27 de agosto de 2014, pelo Instituto Nacional de Doenças Infecciosas via Kyodo News, mostra um mosquito tigre. Direitos de autor AP Photo/National Institute of Infectious Diseases via Kyodo News
Direitos de autor AP Photo/National Institute of Infectious Diseases via Kyodo News
De  Euronews
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Artigo publicado originalmente em inglês

O vírus é transmitido através da picada de mosquitos infetados, não podendo ser transmitido de pessoa para pessoa

PUBLICIDADE

As autoridades sanitárias francesas alertam para o risco de importação de casos de dengue antes dos Jogos Olímpicos, devido ao atual surto do vírus nas Américas.

De acordo com o escritório regional da Organização Mundial de Saúde (OMS), há mais de 5,2 milhões de casos de dengue nas Américas, com muitos países a enfrentarem grandes epidemias.

Isso representa um aumento de mais de 400% em comparação com a média dos últimos cinco anos.

A dengue é um vírus que se transmite aos seres humanos através da picada de um mosquito infetado. Embora muitas infeções sejam assintomáticas, em alguns casos o vírus pode ser grave ou fatal.

A "situação sem precedentes" nas Américas resultou num aumento dos casos importados da região, alertaram esta semana as autoridades sanitárias francesas.

Registaram-se mais de 1.649 casos importados de dengue em França continental, na sua maioria provenientes dos territórios ultramarinos franceses de Guadalupe e Martinica, em comparação com os 131 casos registados no mesmo período do ano passado, declarou o Ministério da Saúde do país.

"O fenómeno que observamos [em França], com o aumento dos casos importados, é um fenómeno que muitos países também observaram", disse um funcionário do Ministério da Saúde numa conferência de imprensa na terça-feira.

Alerta antes dos Jogos Olímpicos

As autoridades francesas apelaram aos profissionais de saúde e ao público em geral para que se mantenham vigilantes, especialmente porque o mosquito tigre que transmite o vírus da dengue aumentou a sua presença na Europa.

O período de vigilância em França começa de maio a novembro para os casos no território.

A preocupação reside no facto de uma pessoa infetada com dengue poder transmiti-la a um mosquito, que por sua vez pode transmitir o vírus a outra pessoa. No entanto, o vírus não pode ser transmitido de pessoa para pessoa.

Um funcionário do Ministério da Saúde francês acrescentou que as autoridades estão "totalmente mobilizadas" e a preparar-se para eventuais ameaças de doenças infecciosas durante os Jogos Olímpicos.

As autoridades de saúde recomendam que, em caso de visita a regiões com elevados níveis de dengue, as pessoasusem roupas largas que cubram a pele e tentem evitar as picadas de mosquito usando repelente de insetos e redes mosquiteiras. Quem tiver febre nos 15 dias seguintes após regressar, deve consultar um médico.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Dengue pode tornar-se endémica com o aumento da temperatura na Europa

"Dia da vergonha": inquérito critica "sucessivos governos" pelo escândalo do sangue infetado no Reino Unido

O "assassino silencioso" da Europa: Qual é o país com a tensão arterial mais elevada e como podemos evitá-la?