Irão e EUA intransigentes em condições ambiciosas sobre o nuclear

Irão e EUA intransigentes em condições ambiciosas sobre o nuclear
Direitos de autor 
De  Euronews
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button

O Irão reafirma a exigência do levantamento imediato das sanções económicas para poder assinar o acordo sobre o programa nuclear com as potencias

PUBLICIDADE

O Irão reafirma a exigência do levantamento imediato das sanções económicas para poder assinar o acordo sobre o programa nuclear com as potencias internacionais com quem chegou a um compromisso na semana passada.

O recado foi dado pelo Presidente Hassan Rouhani em Teerão. “Não vamos assinar qualquer acordo se não forem levantadas, de imediato, todas as sanções económicas no próprio dia”, declarou.

Os Estados Unidos por seu lado deixaram bem claro que o levantamento das penalizações económicas tem que ser gradual ao abrigo do pacto final.

Mas Washington também é intransigente. Quer acesso à atividade militar nuclear passada do Irão.

A jornalista do PBS News Hour, Judy Woodruff Questionou John Kerry: “A Agência Internacional de Energia Atómica tem vindo a dizer já há muito tempo que pretende que o Irão revele atividades militares relacionadas com o nuclear. Há a ideia cada vez mais consistente de que o Irão não vai fazer isto… “Os Estados Unidos estão preparados para aceitar isso?”

“Não. Eles têm que fazer isso. Se vamos ter acordo, isso vai ser feito, vai ser feito”, respondeu o secretário de Estado, John Kerry.

30 de junho é a data limite estabelecida para a assinatura do acordo final.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Dossiê nuclear iraniano: cronologia da crise

Centrais nucleares iranianas não foram danificadas após alegado ataque israelita

Sistemas de defesa antiaérea iranianos terão neutralizado ataque israelita