EventsEventosPodcasts
Loader

Find Us

PUBLICIDADE

Direitos dos homossexuais e das mulheres marcam visita de Obama ao Quénia

Direitos dos homossexuais e das mulheres marcam visita de Obama ao Quénia
Direitos de autor 
De  Euronews
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

A primeira visita enquanto presidente dos Estados Unidos ao Quénia tem um significado especial para Obama ou não fosse esta a terra natal do pai.

PUBLICIDADE

A primeira visita enquanto presidente dos Estados Unidos ao Quénia tem um significado especial para Obama ou não fosse esta a terra natal do pai. O chefe de Estado norte-americano pediu igualdade de direitos para os homossexuais em África, comparando a homofobia à discriminação racial que os EUA enfrentaram.

Os direitos das mulheres foram outro dos temas abordados por Obama: “Estamos a trabalhar em conjunto para que as raparigas tenham acesso à educação e para que as mulheres sejam protegidas da violência. O Quénia vai ser parte da iniciativa ‘Dreams’, para ajudar a proteger as raparigas adolescentes, nomeadamente da SIDA. E em toda a África, o Quénia e os Estados Unidos vão continuar a trabalhar para reforçar os sistemas públicos de saúde e combaterem surtos e doenças antes de se tornarem epidémicas”.

Obama prestou homenagem às vítimas do atentado islamista de 1998 e disse que os Estados Unidos têm de trabalhar de forma mais estreita com o Quénia no combate ao grupo al Shabaab.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Berlusconi e a Europa: um ano após o desaparecimento de um líder que mudou a UE

Ascensão da extrema-direita pode por em risco direitos das pessoas LGBT, alerta a ONG ILGA

União Europeia condena lei do Iraque que criminaliza homossexualidade