EventsEventos
Loader

Find Us

FlipboardLinkedin
Apple storeGoogle Play store
PUBLICIDADE

EUA: Pacto entre rivais é sinal de "desespero" para Donald Trump

EUA: Pacto entre rivais é sinal de "desespero" para Donald Trump
Direitos de autor 
De  Euronews
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Donald Trump acusa os rivais de estarem “desesperados” face ao seu avanço na corrida às primárias republicanas nos Estados Unidos. O milionário

PUBLICIDADE

Donald Trump acusa os rivais de estarem “desesperados” face ao seu avanço na corrida às primárias republicanas nos Estados Unidos.

O milionário reagiu nas redes sociais ao anúncio do pacto entre Ted Cruz e John Kasich para as três votações desta terça-feira.

Wow, just announced that Lyin' Ted and Kasich are going to collude in order to keep me from getting the Republican nomination. DESPERATION!

— Donald J. Trump (@realDonaldTrump) April 25, 2016

Cruz acordou retirar a sua candidatura no Oregon e Novo México, em troca, Kasich vai fazer o mesmo no Indiana. Uma forma de transformar as três primárias num tão decisivo quanto arriscado SIM ou NÃO a Donald Trump.

“Nós não temos todos os recursos do mundo, mas estamos na corrida e temos que juntar os nossos esforços. E sinto que é justo que possa manter a minha candidatura em estados onde posso utilizar os meus recursos de forma mais eficaz e o mesmo é verdade para o senador Cruz. Qual é o problema? Nós vamos a uma convenção aberta na qual os delegados vão escolher o melhor candidato para as eleições”, justificou-se Kasich, governador do Ohio.

A cúpula do partido republicano tenta assim uma estratégia de última hora para tentar barrar a rota de Trump para a Casa Branca, visto como um eventual perdedor face a Hillary Clinton.

Sem os 1.237 delegados mínimos necessários para a nomeação de Trump, a convenção poderá optar por apoiar outros candidatos.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Mike Pence: "A maioria dos norte-americanos acredita no nosso papel de líderes do mundo livre"

Presidente dos EUA ataca Putin e Trump no discurso do Estado da União

Donald Trump vence primárias republicanas na Dakota do Norte