This content is not available in your region

14 anos de prisão por apunhalar atual autarca de Colónia

Access to the comments Comentários
De  Francisco Marques  com SPIEGEL
14 anos de prisão por apunhalar atual autarca de Colónia

O agressor há cerca de oito meses de Henriette Reker (foto), a então candidata e agora presidente da câmara de Colónia, na Alemanha, foi sentenciado sexta-feira a 14 anos de prisão. É a sentença mais pesada alguma vez decidida pelo tribunal regional de Düsseldorf.

Julgado sob medidas de alta segurança, Frank Steffen, de 45 anos, foi condenado por “tentativa de homicídio qualificado.”

O caso deu-se a 17 de outubro do ano passado. Henriette Reker era, à altura, candidata à câmara de Colónia e estava em campanha com uma política favorável ao acolhimento de refugiados.

Armado de uma faca, Frank Stefen, pintor de profissão mas desempregado há algum tempo, feriu com gravidade a agora autarca. Reker ficou em estado crítico, foi eleita, entretanto recuperou e está em funções.