Primeira Conferência de Rhodes centrada na crise migratória

Primeira Conferência de Rhodes centrada na crise migratória
De  Rodrigo Barbosa com ERT / ONU
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

A ilha grega de Rhodes recebe, esta quinta e sexta-feira, a primeira Conferência para a Estabilidade e para a Segurança.

PUBLICIDADE

A ilha grega de Rhodes recebe, esta quinta e sexta-feira, a primeira Conferência para a Estabilidade e para a Segurança. Uma iniciativa do chefe da diplomacia grega, Nikos Kotzias, que reuniu os homólogos dos países que fazem fronteira com o Mediterrâneo, para debater a segurança regional, as relações económicas e os laços políticos e culturais.

O início do encontro foi largamente dominado pela crise migratória.

Kotzias afirmou que “migrantes e refugiados têm necessidades que só podem ser respondidas através do crescimento. É preciso melhorar a coordenação entre as autoridades competentes, com vista a propôr programas transfronteiriços, que sejam depois aprovados e implementados. É necessária uma cooperação especificamente regional, bem com uma mais vasta e global”.

A Grécia está na primeira linha da crise migratória, recebendo milhares de pessoas que atravessam o Mediterrâneo em condições particularmente difíceis, vindas do norte de África e do Médio Oriente com o sonho de chegar à Europa.

Segundo o último balanço da ONU, perto de 60.000 migrantes e refugiados encontram-se atualmente bloqueados em território grego.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Incêndio destrói mosteiro de Agia Paraskevi na Grécia

Grécia mais acessível para os turistas turcos

Chuvas fortes causam pelo menos uma morte na Turquia