Exército sírio avança em Alepo

Exército sírio avança em Alepo
De  Marco Lemos com afp, reuters, efe
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Grande ofensiva terrestre do exército sírio, em Alepo. Forças governamentais terão reconquistado bairro junto à cidadela e avançam em várias frentes.

PUBLICIDADE

O exército sírio está a avançar em várias frentes na cidade de Alepo no que já é classificado como o maior ataque terrestre desde que as forças fiéis a Bashar al-Assad lançaram, na semana passada, uma grande ofensiva para reconquistar por completo a cidade. As forças governamentais terão assumido o controlo de um bairro a noroeste da cidadela, avança a agência de notícias France-Press (AFP). O bairro foi conquistado pelos rebeldes em 2012.

“Bunker-busting bombs, more suited to destroying military installations, are now destroying homes” https://t.co/Ebc7ijke8i

— The New York Times (@nytimes) September 27, 2016

Uma porta-voz da Organização Mundial de Saúde (OMS), Fadela Chaib, alertou que “a escalada dos combates em Alepo está a matar mais pessoas a cada dia que passa. A OMS apela à abertura imediata de corredores humanitários para retirar doentes e feridos da parte leste da cidade. Restam apenas 35 médicos na área para tratar centenas de pessoas e o número de feridos não para de aumentar”.

WHO calls for safe routes to evacuate east Aleppo sick, wounded https://t.co/3Tsm0Jonffpic.twitter.com/0dEMN544ho

— Reuters World (@ReutersWorld) September 27, 2016

Segundo o observatório sírio dos direitos humanos, que se opõe ao regime de Assad, desde o início da ofensiva, na última quinta-feira, já morreram mais de 150 pessoas, na maioria civis, em resultado de bombardeamentos.

Os países Ocidentais têm condenado veementemente a campanha de bombardeamentos do exército sírio, que conta com o apoio da aviação russa.

Drone footage shows the scale of destruction caused by air strikes in the Syrian city of Aleppo. Related story: https://t.co/fLKysnoPX8pic.twitter.com/bjcxhWFCav

— Reuters World (@ReutersWorld) September 27, 2016

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Síria: bombas chovem sobre Alepo enquanto Rússia denuncia "retórica inadmissível"

Duas crianças entre os seis mortos após bombardeamentos de Assad em Idlib

Região rebelde de Idlib bombardeada após ataque em Homs