Última hora

Última hora

Concerto solidário depois do atentado em Berlim

Concerto solidário depois do atentado em Berlim
Tamanho do texto Aa Aa

As Portas de Brandeburgo, em Berlim, receberam, esta sexta-feira à noite, um concerto de solidariedade para com as vítimas do atentado que ocorreu na cidade, na segunda-feira. Doze pessoas morreram e 50 ficaram feridas.

Várias bandas tocaram, durante várias horas, sob o lema “Berlim juntos”. O presidente da Câmara da capital alemã foi um dos que marcou presença.

Para quem por ali passou esta homenagem é também uma demonstração de força:

“Estamos aqui para homenagear as vítimas e para celebrar o espírito de Natal, este tipo de coisas não nos deitam abaixo”, adianta Toni Silver, uma jovem de Estugarda.

“Homenagear as pessoas é fantástico mas o que aconteceu foi horrível e temos de tentar fazer melhor e não deixar que coisas destas se repitam no futuro”, diz outra jovem, Olga Peleavschi, de Chester, no Reino Unido.

Horas antes, no mercado onde a tragédia aconteceu, os visitantes recebiam com alívio a notícia da morte do alegado autor do atentado ainda assim, a preocupação permanece. Para alguns, e ainda que compreendam a atuação da polícia italiana, teria sido melhor prender o homem em vez de abatê-lo.