Euronews is no longer accessible on Internet Explorer. This browser is not updated by Microsoft and does not support the last technical evolutions. We encourage you to use another browser, such as Edge, Safari, Google Chrome or Mozilla Firefox.

Última hora

Última hora

Pelo menos oito mortos por causa das cheias e intensas chuvas

Pelo menos oito mortos por causa das cheias e intensas chuvas
Tamanho do texto Aa Aa

Com Reuters e EFE

A Bolívia vive dias de intensas chuvas, depois da pior seca dos últimos 25 anos, com várias regiões afetadas por cheias e cortes de energia. Pelo menos oito pessoas morreram.

São cinco os departamentos em alerta laranja desde a passada segunda-feira por causa das chuvas, todos situados no oeste do país – La Paz, Santa Cruz, Cochabamba, Tarija e Beni.

Segundo o Senamhi, (Serviço Nacional de Meterologia e Hidrologia), existe, pelo menos até dia 28, um nível de ameaça importante, com fenómenos não habituais e com certo grau de perigo para as atividades habituais

Várias cidades sofreram inundações, tendo sido cortado o trânsito nos centros, como ocorreu em Cochabamba (província de Cercado), a terceira maior cidade do país.

Segundo o diário “Los Tiempos”: , de Cochabamba, bastaram 20 minutos de chuva muito intensa para que zonas do sul da cidade ficassem completamente inundadas. Uma ponte e várias ruas foram imediatamente fechadas ao trânsito.