Última hora
This content is not available in your region

Adeptos do Arsenal exigem saída de Wenger

Access to the comments Comentários
De  Bruno Sousa
Adeptos do Arsenal exigem saída de Wenger
Tamanho do texto Aa Aa

Nunca o Arsenal tinha sofrido dez golos numa eliminatória europeia. A equipa inglesa foi humilhada pelo Bayern de Munique, que repetiu em Londres o 5-1 da primeira mão, e a paciência dos adeptos para Arsène Wenger parece ter finalmente chegado ao fim.

As ações de protesto tiveram início antes mesmo do pontapé de saída, com um grupo de adeptos a exigir o fim de um reinado que teve início em 1996 e que há muito não é coroado com títulos.

No entanto para o técnico francês, que termina contrato no final da temporada, o responsável da pesada derrota foi o árbitro do encontro e não há necessidade de mudança:

“O que precisa de mudar neste clube? O que quer dizer com isso? Penso que este clube está em grande forma mas atravessa de momento uma situação difícil. O que precisa de mudar é o resultado do próximo jogo.”

O Arsenal é atualmente quinto classificado da Premier League, a 16 pontos do líder Chelsea, e na Liga dos Campeões ficou pelo caminho nos oitavos-de-final pelo sétimo ano consecutivo. Wenger é cada vez menos intocável para os adeptos e a não ser que os resultados mudem radicalmente, as ações de protesto dos adeptos deverão multiplicar-se até ao verão.