Última hora

Itália reconhece responsabilidade na violência policial do G8 de 2001

Itália reconhece responsabilidade na violência policial do G8 de 2001
Tamanho do texto Aa Aa

A Itália reconheceu a sua parte de responsabilidade na violência policial durante a cimeira do G8 de 2001, em Génova, marcada pela morte de um manifestante.

Roma comprometeu-se a pagar 45.000 euros por pessoa – para compensar danos morais e materiais – a seis cidadãos que levaram o caso perante o Tribunal Europeu dos Direitos Humanos.

Os manifestantes acusavam a polícia italiana de humilhações verbais e físicas e mesmo ameaças de violações durante a sua detenção, nas casernas de Bolzaneto.

A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.