A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.
Última hora

Alta tensão na Cidade Velha de Jerusalém

Alta tensão na Cidade Velha de Jerusalém
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

Num prenúncio de escalada da tensão, a Cidade Velha de Jerusalém voltou a ser palco de confrontos entre manifestantes palestinianos e forças de segurança israelitas ao cair da noite deste domingo.

O choque aconteceu quando milhares de muçulmanos se reuniram para as orações.

Israel é acusada de tentar alargar o controlo territorial por condicionar o acesso à Esplanada das Mesquitas e depois de instalar detetores de metais à entrada da mesquita Al-Aqsa.

Na cidade de Belém, na Cisjordânia, dezenas de palestinianos rezaram atrás de réplicas dos polémicos detetores que depois acabaram por incendiar.

A revolta promete intensificar-se tanto mais que Israel diz que não vai remover os detetores de metais, mas que poderá, eventualmente, reduzir o uso.

Esta segunda-feira, o Conselho de Segurança da ONU reúne-se para analisar a vaga de violência na Terra Santa.