Última hora

Acusado suspeito do rapto da desaparecida Maëlys de Araújo

Acusado suspeito do rapto da desaparecida Maëlys de Araújo
Tamanho do texto Aa Aa

Um suspeito não identificado foi acusado e está sob detenção, depois de interrogado sobre o desaparecimento de Maëlys de Araújo, 9 anos, vista pela última vez a 27 de Agosto pelas 3 da manhã, numa sala onde estava como convidada de um casamento com os pais e a irmã mais velha, em Pont-de-Beauvoisin, cerca de 80 km a sudeste de Lyon e 50 a norte de Grenoble, em França.

O homem já havia sido detido, juntamente com um outro e ambos foram depois libertados sem qualquer acusação formada.


Tem 34 anos e está agora acusado de “rapto e detenção arbitrária de um menor com menos de 15 anos”.

A busca expande-se cada vez mais, com os cães pisteiros a deixar de ter pistas após chegar a um parque de estacionamento, o que pode implicar o rapto em veículo.

Foram já implicados nas buscas mergulhadores, espeleologistas e cães pisteiros, num total de uma centena de elementos policiais.

Mais de 250 pessoas foram interrogadas pela Polícia, entre os 180 convidados no casamento de onde a criança desapareceu e convidados de outros eventos que se desenrolavam na mesma zona.

A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.