Euronews is no longer accessible on Internet Explorer. This browser is not updated by Microsoft and does not support the last technical evolutions. We encourage you to use another browser, such as Edge, Safari, Google Chrome or Mozilla Firefox.

Última hora

Última hora

Putin promove plano sino-russo para a Coreia do Norte

Putin promove plano sino-russo para a Coreia do Norte
Tamanho do texto Aa Aa

Para Vladimir Putin, o plano de paz concebido pela Rússia e pela China é a única forma de resolver a situação da Coreia do Norte. O presidente russo disse isso mesmo no encontro com o chefe de Estado da Coreia do Sul, Moon Jae-in. No encontro a dois, Moon explicou como a Coreia do Sul está na linha da frente para ser alvo de um ataque por parte do vizinho do Norte e está numa situação extremamente vulnerável. “Se a Coreia do Norte não parar as provocações, o futuro é imprevisível”, disse o presidente sul-coreano.

É muito difícil progredir, na situação atual, sem ferramentas políticas e diplomáticas. Aliás, é, de todo, impossível.

Vladimir Putin Presidente da Rússia

O plano traçado pela Rússia em conjunto pela China, principal parceiro internacional do regime norte-coreano, prevê diálogo, ao invés de impor sanções: “É muito difícil progredir, na situação atual, sem ferramentas políticas e diplomáticas. Aliás, é, de todo, impossível”, disse Putin.

Putin pede à comunidade internacional que se debruce sobre este plano de paz, em vez de apostar na escalada militar e nas sanções. As ameaças entre o presidente norte-americano Donald Trump e o regime de Kim Jong-un subiram de tom desde o teste, por parte da Coreia do Norte, de uma bomba de hidrogénio, na última semana, A China quer também evitar a instalação de um sistema de defesa antimíssil na Coreia do Sul, que diz que só vai aumentar a escalada de violência.