EventsEventosPodcasts
Loader
Encontra-nos
PUBLICIDADE

Chegam ao fim os quintos Jogos Asiáticos de Recinto Coberto

Chegam ao fim os quintos Jogos Asiáticos de Recinto Coberto
Direitos de autor 
De  Euronews
Publicado a
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Os quintos Jogos Asiáticos de Recinto Coberto e Artes Marciais chegaram ao fim. Ashgabat fica para a história dos desportos como a primeira cidade da Ásia Central a receber a competição.

PUBLICIDADE

Os quintos Jogos Asiáticos de Recinto Coberto e Artes Marciais chegaram ao fim. Ashgabat fica para a história dos desportos como a primeira cidade da Ásia Central a receber a competição, o mesmo para os recordes aqui estabelecidos.

Em Ashgabat, Sohrab Moradi, do Irão, quebrou um recorde mundial de halterofilismo, aos 18 anos. O campeão olímpico do Rio 2016 estabeleceu uma nova marca, no levantamento do peso masculino categoria 94 kg. Conseguiu, no total, levantar 413 kg. Moradi levantou, com êxito 185 kg e depois 228. O atleta, de 29 anos, disse à euronews que o seu objetivo era quebrar este recorde:

“Trabalhei muito durante, nos últimos 4 anos para quebrar este recorde, 24 horas por dia, praticamente. Queria fazê-lo nas Olimpíadas do Rio, mas não pude. Então treinei mais um ano e, finalmente, bati o recorde”, explicou Moradi.

Os últimos dias de competição, em Ashgabat, foram acompanhados pelos ritmos da Salsa, e outras danças, a nível competitivo. Os chineses e sul-coreanos costumam impor-se mas, desta vez a vitória sorriu a uma dupla do Vietname que, até há pouco meses, nada sabia sobre esta dança latina:

“Comecei a aprender Salsa, com a minha professora há dois meses, foi muito difícil mas é incrível, incrível”, desabafou Trung Kien Nguyen.

“É fantástico. Estou muito, muito feliz”, afirmou Ahn Pham.

Na quinta edição dos Jogos Asiáticos de Recinto Coberto e Artes Marciais foram atribuídas 347 medalhas.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Jogos Asiáticos adiados devido à pandemia

Desporto pela esperança

Qatar destaca-se nas provas equestres em Asgabate