Euronews is no longer accessible on Internet Explorer. This browser is not updated by Microsoft and does not support the last technical evolutions. We encourage you to use another browser, such as Edge, Safari, Google Chrome or Mozilla Firefox.

Última hora

Última hora

Paquistanesas tornam-se camionistas

Paquistanesas tornam-se camionistas
Tamanho do texto Aa Aa

Enquanto o Paquistão, para aliviar a crise energética, se vira para o carvão, no deserto de Thar, as mulheres da região veem nesta aposta uma oportunidade. Conduzir os camiões, necessários para o transporte do carvão, emprego até aqui oferecido apenas aos homens. É uma forma de tentar fugir à pobreza, a profissão de camionista, na fronteira com a Índia, onde as dunas de areia cobrem depósitos com 1,6 mil milhão de toneladas de carvão. Num país fortemente conservador, e de maioria muçulmana, Gulaban, hindu, fez-se à estrada:

“O meu marido perguntou “quem é que vai conduzir o camião?”. Eu respondi-lhe “eu conduzo”. Ele perguntou “Como é que isso é possível?” EU respondeu com a ajuda de Deus vou conduzir o camião”, explicou Gulaban.

Gulaban alcançou um feito, de facto, mas é preciso não esquecer que para consegui-lo foi preciso que o marido a apoiasse, caso contrário, e numa sociedade onde as mulheres são altamente discriminadas, não teria sido possível.