Milhares de barceloneses na rua pela unidade de Espanha

Milhares de barceloneses na rua pela unidade de Espanha
De  Euronews
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

O manifesto da manifestação convocada pela Sociedade Civil Catalã pedia o fim da marginalização dos catalães não nacionalistas

PUBLICIDADE

Milhares de pessoas na rua, este domingo, em Barcelona, desta vez contra o processo independentista e a favor da unidade de Espanha.

Foi a resposta à convocatória da Sociedade Civil Catalã, com as cúpulas do Partido Popular e do Ciudadanos a juntarem-se à manifestação com o lema “recuperem o bom senso”. O trajeto iniciou-se na Praça de Urquinaona e foi até ao Pla Palau e estação de França.

Catalunha: Urquinaona está a abarrotar de unionistas https://t.co/NMrVT4rKql

— Público (@Publico) October 8, 2017

Entre os manifestantes, os motivos da presença: “Estamos aqui hoje para defender a unidade do nosso país e não de um ponto de vista nacionalista.Estamos muito preocupados com a divisão que se vive aqui na Catalunha entre os nossos amigos e vizinhos e queremos que os políticos encontrem uma solução, mas queremos permanecer unidos como um único país e parte da União Europeia”, dizia um pai de família, com os filhos e a mulher.

“Espanha é muito diversa, há uma grande pluralidade, não é o mesmo ser galego, aragonês ou andaluz”, afirmava um outro barcelonês.

“Catalunya somos todos, no solo los nacionalistas” https://t.co/FNPWHl1W5g vía Elperiodico</a></p>— Soc. Civil Catalana (Societatcc) October 8, 2017

O manifesto lido no final pedia o fim da marginalização dos catalães não nacionalistas. A sociedade civil catalã estimou a presença de mais de 900 mil pessoas na manifestação enquanto a polícia municipal cifrava o número em 350 mil pessoas.

Houve uma outra manifestação nesta manhã de domingo, com um trajeto diferente, que congregou alguns grupos de extrema-direita, como Falange ou Plataforma pela Catalunha.

A Sociedade Civil Catalã implementou um serviço de ordenamento estrito para a marcha e advertiu que retiraria da manifestação que convocou qualquer símbolo não constitucional.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

De Madrid para a Catalunha

Só em janeiro, Canárias receberam mais migrantes do que na primeira metade de 2023

Vinícius Júnior, jogador do Real Madrid, não conseguiu conter as lágrimas ao falar de racismo