Euronews is no longer accessible on Internet Explorer. This browser is not updated by Microsoft and does not support the last technical evolutions. We encourage you to use another browser, such as Edge, Safari, Google Chrome or Mozilla Firefox.
Última hora

"Touch me not" conquista Urso de Ouro em Berlim

"Touch me not" conquista Urso de Ouro em Berlim
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

O vencedor do Urso de Ouro da edição deste ano do Festival de Cinema de Berlim é uma coprodução entre a Roménia, Alemanha, República Checa, Bulgária e França.

"Touch Me Not", da realizadora romena Adina Pintilie, é um filme controverso sobre sexualidade. Conseguiu o duplo feito de ser também distinguido com o Prémio para a melhor primeira obra.

Na película, profissionais e amadores embarcam num viagem para ir aos limites da experiência sexual.

"O filme convida o espetador a desafiar a própria perspetiva sobre a intimidade, a beleza, sobre como as pessoas se podem relacionar umas com as outras e abraçar os que são diferentes", explicou, em entrevista à Euronews, a realizadora Adina Pintilie.

O francês Anthony Bajon recebeu o Urso de Prata como melhor ator pelo papel em "La Prière", de Cédric Khan. No filme é um toxicodependente que quer deixar a droga numa comunidade sob a supervisão de padres católicos.

Entre as mulheres, a atriz Ana Brun conquistou o Urso de Prata pelo desempenho em "Las Herederas", do paraguaio Marcelo Martinessi.

O filme, que narra a história de um casal de mulheres, recebeu ainda o Urso de Prata Alfred Bauer como película que abre novas perspetivas e o Prémio Fipresci (Federação Internacional da Imprensa Cinematográfica), da crítica.

Wolfgang Spindler, Euronews - Ao atribuir o Urso de Ouro ao filme "Touch me not" de Adina Pintilie, o júri destacou seguramente o filme mais extremo da competição internacional. É uma mistura surpreendente de documentário, com longa-metragem e ficção e uma camada de psicoterapia. O Festival de Cinema de Berlim gosta de premiar filmes com uma nova abordagem face à realização."