Última hora

Última hora

Pena máxima para 16 turcas

Em leitura:

Pena máxima para 16 turcas

Pena máxima para 16 turcas
Tamanho do texto Aa Aa

A justiça iraquiana condenou à pena de morte 16 turcas por ligações ao autoproclamado Estado Islâmico.

O Tribunal Penal Central do Iraque deu como provado que as mulheres não só casaram com combatentes do grupo radical como ajudaram a executar ataques terroristas.

Há uma semana, a justiça tinha já condenado à morte uma mulher turca e a prisão perpétua dez outras de diferentes nacionalidades.

Especializado em casos de terrorismo e crime organizado, o tribunal está a julgar centenas de mulheres detidas desde agosto pelas forças iraquianas. Estima-se que desde 2014 milhares se tenham juntado ao autodenominado Estado islâmico no Iraque e na Síria.