EventsEventosPodcasts
Loader

Find Us

PUBLICIDADE

Papa: "Deixar guerras e divisões aos jovens é vergonhoso"

Papa: "Deixar guerras e divisões aos jovens é vergonhoso"
Direitos de autor REUTERS//Stefano Rellandini
Direitos de autor REUTERS//Stefano Rellandini
De  Euronews
Publicado a
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Francisco também apontou o dedo aos membros do clero que se deixaram "levar pela ambição e vaidade"

PUBLICIDADE

"Deixar aos jovens um mundo dividido e com guerras é uma vergonha". A mensagem central do Papa Francisco na celebração da via sacra de sexta-feira santa em frente ao coliseu de Roma. Explicou que é vergonhoso dar como herança "um mundo fraturado por divisões e guerras, um mundo consumido pelo egoísmo onde os jovens, os fracos, os doentes e os idosos são marginalizados".

O Sumo Pontifice também não deixou de olhar para dentro da igreja ao referir que há muito vergonha. "Muitas pessoas, incluindo alguns ministros da Igreja, deixaram-se levar pela ambição e pela vaidade, perdendo a sua dignidade e o seu primeiro amor", declarou.

Na tradicional cerimónia de Sexta-feira Santa, a cruz foi levada, entre outros, por uma família síria e por duas freiras dominicanas que escaparam aos jihadistas no Iraque.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Autoridades italianas reforçam segurança em Roma durante a Páscoa

Os demónios da Páscoa de El Salvador

Brexit e Páscoa tardia influenciam perdas na Easyjet