A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.
Última hora

Portugal recebe migrantes do Lifeline

Portugal recebe migrantes do Lifeline
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

Portugal vai receber migrantes resgatados no Mediterrâneo pelo navio Lifeline.

O anúncio foi feito pelo Ministro da Administração Interna e vem na sequência da política de acolhimento defendida por António Costa.

O Lifeline recebeu esta terça-feira autorização para atracar em Malta.

A informação é de que quatro governos europeus se disponibilizaram para receber refugiados.

Entre eles está Portugal e também a França:

"Nos últimos dias trabalhámos numa solução europeia conjunta com vários Estados-membros e quero aqui saudar o espírito de responsabilidade do primeiro-ministro maltês, Joseph Muscat. Juntamente com outros países, entre eles a França, fomentou a solidariedade. Posso confirmar que a França com vários estados-membros vão receber as pessoas que estão no Lifeline, depois de desembarcarem num porto europeu. Elementos do gabinete para a proteção dos refugiados estão já a caminho de Malta", refere Macron.

O Alexander Maersk foi entretanto autorizado a entrar no porto da Sicília. 108 migrantes puderem desembarcar em território italiano.

Uma exceção, diz o ministro italiano do Interior, Matteo Salvini:

“Porque temos bom coração, ao contrário de Macron. Mas ONG estrangeiras, com pessoal estrangeiro, bandeira estrangeira e investidores estrangeiros não voltam a atracar em portos italianos".

Portugal vai receber parte dos mais de 230 migrantes do navio alemão Lifeline.

O governo português diz-se empenhado em participar com «responsabilidade e solidariedade» na resolução do problema dos refugiados na Europa.