Última hora

Última hora

Polícia trata incidente de Londres como caso de terrorismo

Em leitura:

Polícia trata incidente de Londres como caso de terrorismo

Polícia trata incidente de Londres como caso de terrorismo
Tamanho do texto Aa Aa

O condutor da viatura que colidiu com a barreira no exterior do parlamento britânico esta manhã foi de imediato detido. Aparenta ter cerca de 20 anos e não estava a cooperar com os investigadores, informou a unidade de contraterrorismo britânica. Três pessoas ficaram feridas.

O indivíduo não seria conhecido da polícia. Citando uma fonte anónima, a BBC adiantou que seria residente de Birmingham.

As autoridades lidam o caso como sendo um ato terrorista.

"O condutor do Fiesta, que estava sozinho no veículo, foi detido por agentes armados que estavam nas proximidades. Dado que isto aparenta ter sido um ato deliberado, o método e o facto de se tratar de um local icónico, estamos a lidar como sendo um incidente de terrorismo. A investigação está a ser liderada pelo comando de operações de contraterrorismo.

A polícia anunciou não existirem outros indícios de perigo, relacionados com este incidente.

A confirmar-se, este é o segundo caso de terrorismo em 18 meses na capital britânica. Em março de 2017, Khalid Masood, de 52 anos atropelou quatro pessoas na ponte de Westminster. Antes de ser abatido pela polícia, ainda esfaqueou mortalmente um polícia.