A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.
Última hora

Visita do presidente sérvio cria tensão no Kosovo

Visita do presidente sérvio cria tensão no Kosovo
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

No Kosovo, em Mitrovica, uma cidade dividida entre albaneses e sérvios, Aleksandar Vucic foi recebido por bandeiras e aplausos da multidão que se juntou para ouvir o presidente sérvio.

A visita de Vucic ao Kosovo acontece numa altura em que as relações entre Belgrado e Pristina estão particularmente tensas, por causa da suspensão temporária do diálogo entre os dois países. Este domingo, o presidente falou em futuras pontes de confiança

"E qual é a minha ideia para o futuro da Sérvia? Salvar o nosso país, proteger as nossas instituições, preservar a paz e construir pontes de confiança com os albaneses. Lutar por um acordo mesmo quando sabemos que é quase impossível de alcançar, porque tudo nos leva para um abismo e uma catástrofe"

A visita de Vucic está a ser muito criticada pela comunidade albanesa do país, que organizou um protesto para impedir o presidente de visitar um enclave sérvio. Naser Krasniqi vive na região e explicou aos jornalistas a razão pela qual Vuvic não deve visitar o país

"O presidente sérvio devia pedir desculpas ao povo de Kosovo pelos massacres que fizeram e pelo genocídio que fizeram. Deve reconhecer o Kosovo e compensar e entregar os desaparecidos. Depois disso ele pode vir e visitar o país”

Dezenas de albaneses do Kosovo queimaram pneus e bloquearam estradas com troncos de madeira e camiões. Aleksandar Vucic já criticou as forças de manutenção da paz da Nato por não impedirem o bloqueio.