EventsEventosPodcasts
Loader
Encontra-nos
PUBLICIDADE

Milhares de sérvios do Kosovo protestam contra decisão de abolir o dinar

Manifestantes exibiram bandeiras da Sérvia e apelaram à comunidade internacional para pressionar o governo do Kosovo
Manifestantes exibiram bandeiras da Sérvia e apelaram à comunidade internacional para pressionar o governo do Kosovo Direitos de autor Bojan Slavkovic/Copyright 2024 The AP. All rights reserved
Direitos de autor Bojan Slavkovic/Copyright 2024 The AP. All rights reserved
De  Euronews
Publicado a Últimas notícias
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Milhares de sérvios do Kosovo protestaram na cidade de Mitrovica contra a proibição da moeda sérvia. Primeiro-ministro kosovar diz querer travar fluxo de "dinheiro ilegal".

PUBLICIDADE

Milhares de sérvios do Kosovo protestaram esta segunda-feira na cidade de Mitrovica, no norte do país, contra a proibição da moeda sérvia nas regiões onde habitam, adensando a crise nas relações entre Belgrado e Pristina.

A escalada das tensões surge na sequência da decisão do governo do Kosovo de proibir os bancos e outras instituições financeiras nas regiões habitadas pelos sérvios de utilizar o dinar nas transações locais a partir de 1 de fevereiro, e impor o euro.

O dinar sérvio é tolerado nas zonas maioritariamente sérvias do Kosovo, sobretudo no norte, onde muitos trabalham ou trabalharam para instituições sérvias com salários ou reformas pagos em dinares.

A comunidade sérvia local considera que a proibição do uso do dinar sérvio é uma medida discriminatória que viola os seus direitos e apelou à comunidade internacional a pressionar o governo do Kosovo a reverter esta decisão.

Em Pristina, Albin Kurti rejeitou as críticas e numa mensagem insistiu que a nova medida se destina a travar o fluxo de "dinheiro ilegal" e que não impede da Sérvia de continuar com a ajuda financeira à comunidade sérvia.

"O Kosovo não proibiu o dinar, ou o dólar, ou o franco suíço", disse Kurti. "A única alteração desde 1 de fevereiro é que o dinheiro não pode atravessar a fronteira em sacos… mas deve ser distribuído através de contas bancárias e levantado em euros".

A União Europeia (UE) e os Estados Unidos expressaram preocupação quanto à decisão do governo do Kosovo, alertando que a proibição pode alimentar as tensões numa região já por si muito volátil.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Sérvia anuncia exercícios militares em grande escala perto da fronteira com o Kosovo

Sérvia passa a permitir entrada de carros com matrícula do Kosovo

Kosovo mais perto de aderir ao Conselho da Europa. Decisão final tomada em maio